sábado, 17 de dezembro de 2011

A Prece mais Sincera


A Prece mais Sincera, upload feito originalmente por leoperinvichi.

Pastel Seco sobre Tela

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

À Bailarina que guarda meu coração


Bailarina, upload feito originalmente por leoperinvichi.
Dedico este soneto a minha Letícia, a bailarina que as Musas me mandaram.

Giras, saltando, bailando suave,
em mil pirouettes, num lindo arabesque,
teu doce bailar, em mim, tu fizeste,
proscênio do amor, de meu imo, a chave.

Promenade fiel, num pas-de-deux de corações.
Me enches de amor, minha alma, de ilusões,
lançando-me, num grand jeté, teus lábios macios;
não vás! não deixes, assim, meus braços vazios.

Bailarina encantada, que com os cisnes dança,
em mim despertaste perdida criança,
com teu delicado e elegante sorriso.

Serei para sempre as rosas qu'em ti jogam,
Verei em ti sempre as Musas que rogam,
a arte perfeita estampada em teu viso.

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Clementina de Jesus


Clementina de Jesus, upload feito originalmente por leoperinvichi.

Homenagem antecipada ao Dia da Umbanda [15 de Novembro] e ao Dia da Consciência Negra. [20 de Novembro] - White Chalk sobre Tela.

Clementina de Jesus ainda no cavalete

Clementina de Jesus ainda no cavalete

domingo, 13 de novembro de 2011

Albert Einstein


Albert Einstein, upload feito originalmente por leoperinvichi.

Carvão sobre canson

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Bailarina


Bailarina, upload feito originalmente por leoperinvichi.

Pastel sobre papel Mi-teintes.
65x50

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Loja Parisiense esconde o segredo das cores de Degas




PARIS (Reuters) - Escondida ao lado de uma lavanderia num pátio parisiense escuro, a firma que abasteceu o mestre impressionista Edgar Degas com as cores pastéis brilhantes que ele usou em algumas de suas telas mais famosas continua a funcionar.

"La Maison du Pastel", uma loja simples e sem adornos no bairro do Marais, aparentemente não modificada desde a década de 1920, abre apenas nas tardes de quinta-feira, e há pouco em sua fachada que traia sua longa tradição.

Até recentemente, ela foi uma operação quase clandestina cuidada por três irmãs idosas que levavam adiante o trabalho de seu avô, Henri Roche, que assumiu o negócio em 1878. A porta ainda ostenta uma placa metálica gasta com a inscrição "H. Roche."

"Há sete anos, quando comecei a trabalhar aqui, nem sequer havia telefone na loja", disse a parente mais jovem das três irmãs, Isabelle Roche, que aprendeu com elas as técnicas e fórmulas secretas da família antes de assumir a direção da firma, em 2000.

"Elas trabalhavam com um grupo muito pequeno de clientes que abasteciam havia 30 anos, e ninguém sabia realmente da existência da firma."
Químico que frequentava círculos artísticos, Henri Roche começou a desenvolver novos métodos de produzir pastéis depois de trabalhar com um artesão cuja oficina datava do início do século 18.


Essas aí de cima são as minhas!!

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

L'Etoile - D'Après Degas


L'Etoile - D'Après Degas, upload feito originalmente por leoperinvichi.

Pastel seco sobre cartão Mi-teintes
42x58